Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Mecânico capixaba é a 263ª vítima identificada da tragédia da Vale em Brumadinho - Rádio Miraí

Fale conosco via Whatsapp: +55 32 34261455

No comando: SINTONIA COM DEUS

Das 7:00 às 9:00

No comando: SOM DA TERRA

Das 05:00 às 07:00

No comando: BOM DIA CIDADE

Das 09:00 às 12:00

No comando: MÁQUINA DO TEMPO

Das 12:00 às 13:00

No comando: SUPER HITS

Das 13:00 às 16:00

No comando: BATIDÃO COM DJ TICO

Das 16:00 às 17:00

No comando: CONEXÃO MIR

Das 18:00 às 19:00

No comando: SANTA MISSA NA 107,7 FM

Das 18:00 às 19:30

Mecânico capixaba é a 263ª vítima identificada da tragédia da Vale em Brumadinho

O corpo identificado pela Polícia Civil, nesta quarta-feira, após o rompimento da barragem da Vale em Brumadinho, na região metropolitana de Belo Horizonte, é de Uberlândio Antônio da Silva, que na época da tragédia, em 2019, tinha 54 anos. Ele é natural do Espírito Santo e trabalhava de forma terceirizada para a mineradora Vale como mecânico de empilhadeira.

A família dele veio para Minas na época da tragédia e ficou duas semanas aguardando por notícias dele no Estado. Uberlândio costumava viajar a trabalho, mas era a primeira vez que ele vinha a Brumadinho. Ele é a 263ª vítima identificada na tragédia.

A identificação se deu por meio de DNA pelo Instituto de Criminalística. O corpo dele foi encontrado no último dia 2 de outubro.  O rompimento da barragem de Córrego do Feijão provocou a morte de 270 pessoas em janeiro de 2019. Sete vítimas continuam desaparecidas. Os bombeiros continuam na área onde a barragem rompeu na tentativa de encontrar mais vítimas.

Duas vítimas foram identificadas nos últimos meses. No último dia 6 de outubro foi identificado o corpo da enfermeira Angelita Cristiane Freitas Assis, de 37 anos.  Ela era casada e deixou dois filhos.

Em agosto tinha sido identificada Juliana Creizimar de Resende Silva, que tinha 33 anos e deixou um casal de gêmeos que, na época, tinha apenas 10 meses de vida. Os bebês também perderam o pai na tragédia. O corpo dele tinha sido identificado anteriomente.

A Comissão dos Não Encontrados de Brumadinho divulgou uma nota sobre o encontro:

“Reforçamos nosso agradecimento ao Governador Romeu Zema, por manter o compromisso de continuidade das buscas, possibilitando os encontros das nossas joias, estendemos o agradecimento ao Corpo de Bombeiros e todos os envolvidos que direta ou indiretamente contribui para que todas sejam encontradas, trazendo alento as famílias que ainda aguardam, a 1021
Seguimos firmes em nosso propósito, para continuar lutando pelo encontro das 7 JOIAS”, divulgou a comissão em nota.

Veja os nomes dos que ainda estão desaparecidos:

Cristiane Antunes Campos
Lecilda de Oliveira
Luis Felipe Alves
Maria de Lurdes da Costa Bueno
Nathalia de Oliveira Porto Araujo
Olimpio Gomes Pinto
Tiago Tadeu Mendes da Silva

Deixe seu comentário:

Patrocinadores

Conheça nossas redes!